Convite para eventos na grande sp é na CardPress!

Home / Convite para eventos / Convite para eventos na grande sp

 

Banner Crachá de Identificação - CardPress

O crachá de identificação gera mais valor para sua empresa, aumenta a segurança do ambiente e promove interação entre seus colaboradores e clientes, além da possibilidade de marcação de ponto eletrônico através das tecnologias disponíveis como código de barras, tarja magnética, aproximação (mifare, RFID...)


Quer uma estimativa de quanto custará seu projeto de cartões PVC?

 

Veja as ofertas que temos de Convite para eventos na grande sp:

 

Você pode nos enviar pedidos conforme a sua necessidade, não é obrigatório enviar a quantidade total para produção.

Como comprar crachás em PVC

Como comprar crachás


Preencha os campos abaixo, e ligamos pra você:

 

Produtos relacionados

Convite para eventos na grande sp. Serviços e produtos com qualidade garantida.



Estados atendidos pela CardPress



Notícias da última hora:

    • 23/10/2019 15:52
      Conselho de Ética da Alerj abre processo contra deputados de PSL e PSOL
      O Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) votou, nesta quarta-feira (23), a favor da admissibilidade de representações que denunciam o deputado estadual Alexandre Knoploch (PSL) e Eliomar Coelho (PSOL) por possível quebra de decoro. Na prática, o Conselho de Ética abre uma investigação contra os parlamentares. Ao fim do processo, os deputados podem ter o mandato cassado. Originalmente, seria votada apenas a representação contra Knoploch por insultos a Eliomar Coelho no plenário. Após a aprovação por 4 a 3, deputados pediram a inclusão da denúncia de Knoploch contra Eliomar, que acabou aprovada por unanimidade. Logo em seguida, o grupo vai decidir se aceita denúncia contra outro deputado do PSL: Rodrigo Amorim. Ele realizou o que chamou de "vistoria" - não autorizada - no Colégio Pedro II. Os dois pesselistas participaram da reunião, frente a frente, com os membros do Conselho. Zeidan (PT), uma das integrantes titulares, não participou do encontro por presidir uma audiência pública e foi substituída por Chicão Bulhões (Novo). Como votou o Conselho de Ética: Max Lemos (MDB) - sim Leo Vieira (PRTB) - não Rodrigo Bacelar (SDD) - não Flávio Serafini (PSOL) - sim Dr Serginho (PSL) - não Chicão Bulhões (Novo) - sim Martha Rocha (PDT) - sim "A gente já teve caso nessa Casa em que, durante uma audiência pública, um estudante tomou soco no rosto de um deputado. Já teve caso em que um prefeito de um município eleito foi confrontado. Não são raios de céu azul. Existe uma escalada de uma postura dentro do plenário que é incabível no parlamento. Não podemos permitir que acabe num confronto físico entre deputados ou numa tragédia. É inaceitável que se permita que esse ataque continue em escalada", disse Serafini, que votou a favor. Bacelar, que foi contra o prosseguimento da investigação, disse que pediu calma aos parlamentares. "Já conversei para que ponderem o ímpeto. Foi palavrão pra lá e pra cá, o que é natural. Até na minha família tem discussão do que foi melhor, um governo de esquerda e do PSL e, às vezes, chega a ter um tom desrespeitoso", ponderou. O que dizem as denúncias: Alexandre Knoploch Segundo o também deputado Eliomar Coelho (PSOL), o pesselista o insultou fora do microfone em uma sessão na Alerj. Depois, já publicamente, Knoploch disse que a Casa tinha visto "um caso severo de doença psiquiátrica" durante o discurso do socialista. Coelho alega que "trata-se de ofensa carregada de intolerância relacionada à idade do deputado que, de fato, possui 78 anos". De acordo com o autor da denúncia, há indícios da quebra de decoro parlamentar por prática de "ofensas físicas ou morais nas dependências da Assembleia", como versa o artigo oitavo do regimento interno. Rodrigo Amorim O deputado entrou no Colégio Pedro II no dia 11, acompanhado do parlamentar federal Daniel Silveira (PSL), anunciando uma vistoria - sem que tivesse sido chamado. O reitor da unidade, Oscar Halac, chamou a Polícia Federal e encaminhou uma representação à Alerj. Segundo Halac, os dois se apresentaram como policiais na entrada do colégio e falaram "impropérios". "A Constituição Federal não delegou aos membros do poder legislativo colossal liberdade investigatória, nem, tampouco, concedeu-lhe o direito de revirar a qualquer tempo às repartições públicas na busca de indícios de irregularidades imaginárias", escreve Halac. O reitor alega que houve abuso de autoridade e que não cabe ao deputado estadual qualquer investigação no âmbito de uma autarquia federal. Na ocasião, os deputados saíram do colégio vaiados por estudantes. O que dizem os deputados Knoploch "Durante a Sessão Plenária da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro" do dia 11/11/2019, o Deputado Estadual Eliomar Coelho, do PSOL, extremamente exaltado em função da menção sobre a investigação sobre sua movimentação financeira pelo COAF, agrediu verbalmente o Deputado Alexandre Knoploch. Com dedo em riste, proferindo palavras de baixo calão, Eliomar chamou Knoploch de 'seu merd*' e afirmou que 'tem parlamentar aqui que fala no meu nome, que ele devia, antes, lavar a boca suja dele'. A assessoria de imprensa do deputado do PSL esclarece que foi solicitada no dia 16/09/19 à Corregedoria da Casa, a instauração de sindicância para apurar indícios de quebra de decoro parlamentar por parte do deputado do PSOL.". Amorim "O Conselho de Ética tem independência, autonomia e proatividade para acatar ou rejeitar representações, e à mim cabe aguardar a decisão, esperando que tal movimento não seja represália a atitudes de independência e veemência no campo ideológico. Quanto ao Pedro II, já solicitei ao deputado federal Daniel Silveira que encaminhe representação contra o reitor do colégio, que impediu ilegalmente dois parlamentares de ingressarem no prédio. No dia em que um deputado não puder entrar num prédio público, principalmente escola ou hospital, melhor eu renunciar ao meu mandato".
    • 23/10/2019 15:52
      Suspeito de feminicídio em São Pedro é preso pela Polícia Civil, diz SSP
    • 23/10/2019 15:51
      VÍDEOS: BMD de quarta-feira, 23 de outubro de 2019
    • 23/10/2019 15:49
      Lojas do Walmart em SP passam a se chamar BIG
      Mudança, anunciada há 2 meses, vai acontecer também em outros estados do Sudeste, Sul e Centro-Oeste. No Nordeste, nova marca será BIG Bompreço. Reestruturação acontece após venda da empresa. Lojas do Walmart em São Paulo, na região metropolitana da cidade e em Campinas, Limeira, Araras e Mogi Guaçu já passaram a se chamar BIG. As unidades foram as primeiras a passar pela mudança, anunciada em agosto. A reestruturação ocorre cerca de um ano após a compra de 80% do grupo pelo fundo de private equity Advent e prevê R$ 1,2 bilhão em investimentos para reformas e modernização das lojas no país. Só no estado de São Paulo, serão gastos aproximadamente R$ 200 milhões na renovação de 92 unidades até o fim de 2020. A empresa diz que decidiu mudar o nome da rede após pesquisas, para dar preferência por "marcas regionais que resgatam o vínculo emocional com os consumidores". No Sul, Sudeste e Centro-Oeste as lojas passarão a se chamar BIG. No Nordeste, os hipermercados Walmart serão rebatizados de BIG Bompreço ? marca amplamente conhecida na região. "BIG é uma marca forte no Sul do País e bem avaliada no Sudeste, assim como Bompreço, amplamente reconhecido no Nordeste, e contam com elementos importantes de afetividade que queremos resgatar", diz em nota Jorge Herzog, diretor executivo de Hipermercado do Grupo Big (antigo grupo Walmart). Além de novo nome e aparência, as lojas vão ter 30% mais variedade de produtos e novos serviços, segundo a rede. O grupo tem aproximadamente 50 mil funcionários opera cerca de 550 lojas em 18 estados e no Distrito Federal. São 7 bandeiras entre hipermercados (Big e Big Bompreço), supermercados (Bompreço e Nacional), atacado (Maxxi Atacado), clube de compras (Sam?s Club) e lojas de bairro (TodoDia), além de postos de combustíveis e farmácias.
    • 23/10/2019 15:49
      Trump anuncia suspensão de sanções contra a Turquia
      O presidente americano Donald Trump anunciou nesta quarta-feira (23) a suspensão das sanções contra Turquia impostas por conta da ação militar de Erdogan contra a milícia curda no norte da Síria. considerou nesta quarta-feira "um grande sucesso" o acordo alcançado no dia anterior entre a Rússia e a Turquia para deslocar as forças curdas da fronteira entre a Síria e a Turquia. Trump, criticado por retirar as tropas americanas na região e deixar os curdos sírios desprotegidos, comemorou a criação de uma zona de segurança no Twitter. "Grande sucesso na fronteira entre a Turquia e a Síria. A zona de segurança foi criada! O cessar-fogo foi respeitado e as missões de combate terminaram", afirmou. "Os curdos estão seguros e trabalharam muito bem conosco".
    • 23/10/2019 15:49
      Sine oferece 13 vagas em Unaí nesta quarta-feira (23)
      Salários variam de R$ 1.050 a R$ 2.000 e quatro oportunidades são para serralheiro. A Unidade do Sistema Nacional do Emprego (Sine) está oferecendo 13 vagas de emprego em Unaí, no Noroeste de Minas, para esta quarta-feira (23). Os salários variam de R$ 1.050 a R$ 2.000. Quatro oportunidades são para serralheiro com salário de R$ 1.400. Os interessados devem procurar o Sine que fica na Rua Eduardo Rodrigues Barbosa, no Centro, e apresentar carteira de identidade, CPF e carteira de trabalho. Confira as vagas disponíveis
    • 23/10/2019 15:48
      Uma tese polêmica sobre os efeitos colaterais da caridade
    • 23/10/2019 15:48
      Corpo de jovem afogado em Praia Grande é velado em Suzano
    • 23/10/2019 15:48
      Para 'passar vergonha' no filho, mãe vai buscá-lo na escola vestida de Mulher Maravilha; vídeo
    • 23/10/2019 15:47
      Menina de 17 anos assume Prefeitura de Teresina por um dia: ?oportunidade única?
    • 23/10/2019 15:47
      STF julga prisão de condenados na 2ª instância; relator vota contra
      Após o voto de Marco Aurélio, julgamento foi paralisado para o almoço e será retomado à tarde. STF julga prisão de condenados na 2ª instância; relator vota contra Após o voto de Marco Aurélio, julgamento foi paralisado para o almoço e será retomado à tarde. STF discute o momento em que um condenado deve ser preso: se na 2ª instância ou quando não houver mais recursos. O tribunal está dividido, e o resultado do julgamento deve afetar milhares de condenados - entre eles o ex-presidente Lula. Ao abrir a sessão de quinta, Toffoli afirmou que as ações 'não se referem a situação particular'. No 1º dia de julgamento, advogados criticaram a prisão após condenação em 2ª instância. Marco Aurélio votou contra prisão de condenados na 2ª instância. Demais ministros ainda votarão
    • 23/10/2019 15:46
      Eleições na Bolívia: Evo Morales vence na apuração dos votos dos bolivianos que vivem no Brasil
    • 23/10/2019 15:40
      Bombeiros resgatam cavalo que caiu em vala de obra na Região da Pampulha, em Belo Horizonte
    • 23/10/2019 15:39
      Ministro do Desenvolvimento diz em Alagoas que governo federal trabalha para resolver problema de derramamento de óleo no NE
    • 23/10/2019 15:39
      Sine oferece 32 vagas de emprego para Rio Branco nesta quarta-feira (23); confira a lista
    • 23/10/2019 15:38
      USP de São Carlos promove palestra sobre fake news
    • 23/10/2019 15:38
      Quarta-feira (23) deve ser de instabilidade em todo o Acre, prevê Sipam
    • 23/10/2019 15:36
      Ossadas são encontradas por coveiro em cemitério de Vila Pavão, no ES
      Os ossos estavam em covas recém cavadas e foram descobertas na noite de segunda-feira (23). A Polícia Civil investiga o caso. Ainda não se sabe se são ossadas humanas. Um coveiro encontrou duas ossadas enterradas em pequenas covas em um cemitério, no distrito de Praça Rica, na zona rural de Vila Pavão, no Noroeste do Espírito Santo, na noite da última segunda-feira (21). A Polícia Civil investiga o caso. De acordo com informações da Polícia Militar, um coveiro localizou duas ossadas de crianças no cemitério de Praça Rica. O homem contou que durante uma limpeza ele localizou covas novas e pequenas no local. No entanto, o último enterro no cemitério havia sido há, pelo menos, 90 dias. Ao verificar, percebeu que se tratava de ossadas e chamou a PM, que constatou o fato e acionou a perícia da Polícia Civil. A Polícia Civil informou que, até o momento, não há nenhum indício de crime e também não tem registro de desaparecimentos na região. Os fragmentos de ossos encontrados foram encaminhados para perícia técnica do Departamento Médico Legal de Vitória, para identificar se é uma ossada humana. Depois de comprovar se é uma ossada humana, será solicitado um exame de DNA para identificar a vítima. Veja o plantão de últimas notícias do G1 Espírito Santo
    • 23/10/2019 15:35
      Agentes penitenciários liberam preso por engano em presídio no Ceará
    • 23/10/2019 15:34
      Criminoso mais procurado da Serra, ES, é preso
    • 23/10/2019 15:34
      Cachorro é morto com tijolada após discussão entre vizinhos em Tabatinga
    • 23/10/2019 15:34
      UFU recebe recursos da Cemig para energia e iluminação sustentável de hospital e campus Santa Mônica
    • 23/10/2019 15:34
      VÍDEOS: JAM 1ª edição, 23 de outubro de 2019
    • 23/10/2019 15:33
      VÍDEOS: SP1 de quarta-feira, 23 de outubro
    • 23/10/2019 15:32
      TRF-4 decide na semana que vem se condenação de Lula no caso do sítio deve ser anulada
    • 23/10/2019 15:32
      Vídeo mostra turistas sendo assaltados à luz do dia em Búzios, no RJ
      Crime aconteceu na tarde desta terça-feira (22) quando o casal tirava fotos perto da Praia de Geribá. Vídeo mostra turistas sendo assaltados em Búzios, no RJ Um casal de turistas foi assaltado quando estava tirando fotos perto da Praia de Geribá, em Amação dos Búzios, na Região dos Lagos, por volta das 14h desta terça-feira (22). O crime foi flagrado por uma câmera e as imagens estão circulando pelas redes sociais. As imagens mostram o casal do Rio de Janeiro, que estava com uma criança, sendo surpreendido por dois homens. Os assaltantes levaram cordão, pulseira, relógio e bolsa e um deles mostrou um cabo de revolver. Após o crime, os ladrões fugiram em um carro branco. Segundo a Polícia Civil, o caso foi registrado na 127ª Delegacia de Polícia como roubo e diligências estão em andamento para apurar autoria e materialidade do fato. Veja outras notícias da região no G1 Região dos Lagos.
    • 23/10/2019 15:30
      Ale-RR vai criar comissão para articular em Brasília a legalização do garimpo no estado
    • 23/10/2019 15:30
      Uma tonelada de maconha é apreendida em rodovia de Guapiaçu
    • 23/10/2019 15:29
      VÍDEO: Bom Dia Amazônia desta quarta-feira, 23 de outubro de 2019
    • 23/10/2019 15:27
      Veja os detalhes do novo Honda Fit
    • 23/10/2019 15:26
      Campinas publica lista de aprovados em concurso público da IMA
    • 23/10/2019 15:25
      Polícia faz flagrantes simultâneos em 9 pontos de jogo do bicho no centro de Brasília
    • 23/10/2019 15:25
      Suspeito de matar companheira a facadas em Japoatã se entrega à polícia
      De acordo com testemunhas, homem fugiu do local após o crime. Um homem suspeito de matar a companheira a facadas no Povoado Carro Quebrado, localizado no município de Japoatã (SE), se apresentou à Polícia Civil nesta terça-feira (22). Ele foi ouvido e liberado. Segundo o delegado Thiago Lustosa, responsável pelo caso, a liberação ocorreu porque o pedido de prisão preventiva, solicitado na última segunda-feira (21), ainda não foi deferido pela Justiça. O advogado do homem também teria alegado que ele tem problemas psiquiátricos. O corpo da vítima foi encontrado dentro da casa onde ela morava no último domingo (20). De acordo com testemunhas, o homem fugiu do local após o crime.
    • 23/10/2019 15:23
      Leilão de energia garante investimentos de R$ 1 bi no RN; estado terá mais 12 parques eólicos e 2 solares
    • 23/10/2019 15:22
      Homem morre afogado no Açude Velho, em Campina Grande
    • 23/10/2019 15:20
      Festa Literária Internacional de Cachoeira deve receber 40 mil pessoas durante quatro dias de evento: 'Cidade museu'
    • 23/10/2019 15:19
      Senado finaliza votação da reforma da Previdência
      Texto-base foi aprovado ontem em 2º turno por 60 votos a 19 Senado finaliza votação da reforma da Previdência Texto-base foi aprovado ontem em 2º turno por 60 votos a 19 Senado aprovou em segundo turno o texto-base da reforma da Previdência; o placar foi de 60 a 19. Para concluir a votação, falta apenas analisar um destaque. Como muda a Constituição, a reforma não exigirá o aval de Bolsonaro para entrar em vigor. A principal mudança é a criação de idade mínima para aposentadoria
    • 23/10/2019 15:19
      Justiça libera obras de revitalização no Largo do Arouche, no Centro de SP
    • 23/10/2019 15:17
      Familiares de vítima acionam MPPA para investigar acidente envolvendo viatura da Susipe em Santarém
    • 23/10/2019 15:16
      Polícia prende dupla e encontra parte da carga de comerciante que sofreu infarto e morreu em assalto